Dança das cadeiras: Bolsonaro diz que 'pequena reforma ministerial' deve ocorrer na próxima segunda-feira

Dança das cadeiras: Bolsonaro diz que 'pequena reforma ministerial' deve ocorrer na próxima segunda-feira

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira (21/7), que haverá uma "pequena" mudança ministerial na segunda-feira (26/7). Em entrevista nesta manhã à Jovem Pan Itapetininga, o chefe do Executivo afirmou que os novos ministros foram escolhidos "com critério técnico", sem dar mais detalhes.

"Estamos trabalhando, inclusive, uma pequena mudança ministerial, que deve ocorrer na segunda-feira, para ser mais preciso, e para a gente continuar aqui administrando o Brasil. Temos uma enorme responsabilidade, sabia que o trabalho não ia ser fácil, mas realmente é muito difícil. Não recomendo essa cadeira para os meus amigos", afirmou Bolsonaro.

blog da Natuza Nery havia adiantado na noite da terça-feira (20) que uma reforma ministerial estava a caminho.

De acordo com o blog, o movimento estudado por Bolsonaro é:

 

  • Recriar o Ministério do Trabalho: assumiria a pasta o ministro Onyx Lorenzoni, atualmente no comando da Secretaria-Geral da Presidência.
  • Mudança na Casa Civil: assumiria a Casa Civil o senador Ciro Nogueira (PP-PI), um dos principais líderes do Centrão. O atual ministro, Luiz Eduardo Ramos, general da reserva, iria para a Secretaria-Geral da Presidência.

A ida de Nogueira para a Casa Civil seria uma tentativa de o Palácio do Planalto melhorar a relação com o Senado, em especial por causa da CPI da Covid, formada em maioria por senadores de oposição e que tem criado desgastes para o governo.

  • Tags
  • Bolsonaro,reforma,ministérios