Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Cultura cinematográfica: Cícero Lucena encontra representantes da Cidade da Imagem e projeta parceria para criação de polo audiovisual em João Pessoa

Cultura cinematográfica
Cícero Lucena encontra representantes da Cidade da Imagem e projeta parceria para criação de polo audiovisual em João Pessoa

Max Oliveira

A Prefeitura de João Pessoa deu um grande avanço para a instalação de um polo de audiovisual na Capital paraibana, com núcleos para a formação, capacitação e produção cinematográfica. Nesta segunda-feira (15), em São Paulo, o prefeito Cícero Lucena teve reunião com representantes da Cidade da Imagem, um grande complexo tecnológico que vai ser parceiro da gestão municipal no projeto que vai funcionar na antiga fábrica Matarazzo, no bairro do Varadouro.

Esse local, inclusive, já foi desapropriado pela Prefeitura, que agora está estruturando o espaço, planejando ações e buscando as parcerias para investimento e fomento das atividades. O audiovisual também faz parte do projeto de revitalização do Centro Histórico da Capital, no âmbito da cultura, geração de renda e turismo, que a gestão municipal está fortalecendo por meio do projeto ‘Viva o Centro’.

“Esse é o primeiro momento, a primeira fase de um grande projeto – um processo que a gente está avançando, que se desdobra depois para a instalação de estúdios, de processos de produção propriamente dito, com a atração de produções cinematográficas e de audiovisual para a cidade de João Pessoa. E, evidentemente, com ações ligadas ao turismo e a economia criativa”, destacou Cícero Lucena.

Também presente no encontro, que aconteceu na sede da Cidade da Imagem, no bairro do Itaim Bibi, o diretor executivo da Fundação Cultural de João Pessoa, Marcus Alves, disse que a parceria também vai fortalecer a realização do segundo Festival Internacional de Cinema, que será este ano em João Pessoa. Ele também explicou que, hoje, foi o pontapé inicial de um grande projeto que vem sendo planejado há alguns anos, e que também terá a participação de uma agência francesa.

“É um contexto amplo que nós estamos criando, que envolve essas parcerias, que num primeiro momento irão viabilizar cursos na área de roteiro, produção, na área de eletricistas, toda uma cadeia do audiovisual – a parte técnica. Em seguida, a transformação do nosso polo, com instalação de estúdios e de processos de produção”, explicou.

“Nós criamos, inclusive, a João Pessoa Film Comission, desde o ano passado, para dar base de sustentação de todo esse projeto e também a agência audiovisual, cujo projeto está no gabinete do prefeito e deve ser encaminhado para a Câmara dos Vereadores nos próximos dias”, complementou Marcus Alves.

A CEO da Cidade da Imagem, Sylvia Arone, destacou que a instituição já vem trabalhando com o governo francês e disse que o projeto, na Capital, também terá iniciativas com caráter educacional, em parceria com a Fundação Tellescom: o CDI Labs.

Parceria francesa – Em novembro passado, o prefeito Cícero Lucena participou de uma reunião na renomada Escola Normal Superior de Paris (l’ENS). Junto a Vincent Lowy (diretor), Raïssa Lahcine (diretora de Relações Internacionais) e Ghassan Koteit (diretor dos Estúdios), a comitiva explorou oportunidades para trazer a formação em cinema para a capital paraibana e capacitação de mão de obra local para o audiovisual, gerando oportunidade de emprego e renda.