Por determinação do STF, Arthur Cunha Lima e Nominando Diniz são afastados das suas funções de conselheiros no Tribunal de Contas da Paraíba

Por determinação do STF, Arthur Cunha Lima e Nominando Diniz são afastados das suas funções de conselheiros no Tribunal de Contas da Paraíba

No bojo das investigações da sétima fase da Operação Calvários, os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, Arthur Cunha Lima e Nominando Diniz foram afastados das suas funções por decisão do Superior Tribunal de Justiça

O STF anunciou a decisão nesta quarta-feira (18), em decorrência da Operação Calvário. Os conselheiros ficaram suspensos de suas funções inicialmente pelo prazo de 120 dias.

Até o momento o TCE-PB não se manifestou sobre o afastamento.

Comentários

Outras Notícias