Mandetta é demitido do cargo de Ministro da Saúde

Mandetta é demitido do cargo de Ministro da Saúde

 Luiz Henrique Mandetta não é mais o ministro da Saúde. Ele anunciou nesta quinta-feira (16) o seu desligamento da pasta após várias semanas de desentendimentos com o presidente Jair Bolsonaro sobre a melhor forma de lidar com a crise causada pelo novo coronavírus.

Mandetta anunciou sua saída por meio de seu Twitter. "Acabo de ouvir do presidente Jair Bolsonaro o aviso da minha demissão do Ministério da Saúde. Quero agradecer a oportunidade que me foi dada, de ser gerente do nosso SUS, de pôr de pé o projeto de melhoria da saúde dos brasileiros e de planejar o enfrentamento da pandemia do coronavírus, o grande desafio que o nosso sistema de saúde está por enfrentar. Agradeço a toda a equipe que esteve comigo no MS e desejo êxito ao meu sucessor no cargo de ministro da Saúde. Rogo a Deus e a Nossa Senhora Aparecida que abençoem muito o nosso país", pu

Desde o princípio, Mandetta tem sido defensor do isolamento e distanciamento social, contrariando publicamente várias das manifestações de Bolsonaro sobre o assunto. O presidente pressionava por mais flexibilidade nas medidas de contenção para minimizar o impacto econômico da Covid-19.

Os dois também não estavam na mesma página em relação ao uso da cloroquina, remédio que tem sido anunciado pelo presidente como solução no tratamento para a Covid-19, embora sua eficácia ainda seja um mistério do ponto de vista científico. Mandetta liberou a medicação, mas sempre pediu cautela, justamente pela falta de comprovação sobre sua eficácia.

Comentários

Outras Notícias